Social Icons

30 abril 2013

Grão de Bico: O Grão do Bem-Estar!


O grão de bico é uma leguminosa, assim como o feijão, a lentilha e a ervilha. É um alimento fonte de proteínas, carboidratos, minerais, vitaminas e fibras, além de conter diversos compostos bioativos.

É uma verdade que o grão de bico não ocupa uma posição de destaque entre as leguminosas mais populares, mas certamente mudaria o humor de muita gente se fosse consumido com frequência por quem anda meio triste ou deprimido sem motivo aparente.

Isso porque é uma excelente fonte de triptofano, um aminoácido precursor da serotonina que, por sua vez, é um dos neurotransmissores responsáveis pela sensação de bem-estar, satisfação e confiança.

A serotonina atua no cérebro e regula o humor, o sono, o apetite, o ritmo cardíaco, a temperatura corporal, a sensibilidade à dor, os movimentos e as funções intelectuais. Hoje, a serotonina já está sendo o alvo da ação dos medicamentos utilizados no tratamento da enxaqueca, geralmente antidepressivos, de forma preventiva. 

Quando os níveis de serotonina estão baixos no organismo é comum sentir mau-humor, sonolência, irritabilidade, vontade de comer a toda hora (principalmente doces), distúrbio de concentração, entre outros.

É exatamente por estes motivos que o grão de bico ficou conhecido como o grão do bem-estar!

Outro diferencial do grão de bico é a ótima disponibilidade de ferro, isso quer dizer que o ferro contido nessa leguminosa é melhor absorvido do que o ferro existente nas outras. O mesmo acontece com as proteínas, que aparecem em quantidades muito superiores às das demais leguminosas e são totalmente digeridas pelo organismo, o que não ocorre com suas parentes.

E os benefícios não param por aí, o grão de bico é rico em fitoestrógenos e por isso já começou a ser utilizado em terapias de reposição hormonal na menopausa. Os fitoestrógenos são também conhecidos como hormônios vegetais e têm se mostrado eficazes na prevenção da osteoporose e também na melhora dos sintomas da TPM.

Além disso, pesquisas têm demonstrado que o consumo de grão de bico também pode reduzir o risco de doenças crônicas. Esse efeito é atribuído à quantidade de fibras, compostos bioativos (especialmente fitoesteróis) e por ser um alimento de baixo índice glicêmico.

Dessa forma, é um alimento útil para diminuir o risco de doenças cardiovasculares, já que os fitoesteróis contribuem para a redução do LDL colesterol no sangue.

Alguns estudos também demonstram que o grão de bico pode ser um bom aliado na hora de perder peso. Os resultados das pesquisas em seres humanos demonstraram que o consumo de grão de bico está associado com a redução de gordura corporal em pessoas obesas e esse fato se dá porque contém substâncias que melhoram o metabolismo das gorduras e também porque é um alimento rico em fibras e, por esta razão, promove a sensação de saciedade e plenitude.

Com tantos benefícios, não perca tempo e inclua já o grão de bico na sua alimentação!

Mas como incluir o grão de bico nas refeições diárias?

É simples, pode ser feito como o feijão, pode ser utilizado em saladas ou em sopas.

Confira a Receita da Salada de Grão de Bico.


Imagem Ilustrativa/ Fonte: Google Imagens
Ingredientes:

200g de grão de bico cozido
1 tomate picado
1 pepino
¼ de cebola picada
1 colher de sobremesa de azeite de oliva
2 colheres de sopa de cheiro-verde
1 colher de sopa de mostarda (opcional)
Suco de 1 limão
Sal e pimenta a gosto


0 comentários:

Postar um comentário

 

Follow by Email

Translate

Estatísticas